FISCALIZAÇÃO: Fiscais do Ipem Rondônia retiram produtos sem certificação do comércio em Jaru

Ipem desenvolve ações tanto na Capital quanto no interior com intuito de coibir a venda de produtos irregulares ao consumidor

Porto Velho, RO  - O Governo de Rondônia, por meio do Instituto de Pesos e Medidas de Rondônia (Ipem), realizou no período de 14 a 17 de março ações de fiscalização na cidade de Jaru com a finalidade de desenvolver intervenções preventivas, educativas e fiscalizatórias no combate a produtos sem certificação; evitando que o consumidor seja lesado na compra de itens de qualidade, como: materiais elétricos e de brinquedos.

Nas ações, os servidores do Ipem fiscalizaram 7.305 produtos junto ao comércio local e apreenderam 220 itens por não atenderem às normas do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro). “Os produtos que apresentaram maior índice de irregularidades foram os adaptadores de plugues e tomadas, além de brinquedos. Todos os itens estavam sem a certificação do Inmetro e colocavam em risco a saúde e segurança dos consumidores”, destacou o metrologista, Igor Argento.

De acordo com o presidente do Instituto em Rondônia, Aziz Rahal Neto, o Ipem seguirá desenvolvendo ações tanto na Capital quanto no interior com o intuito de coibir a venda de produtos irregulares à sociedade. “Dentro do Planejamento Estratégico do Governo de Rondônia e seguindo a legislação do Inmetro, o Ipem tem esse cunho social de proteger a população na compra de produtos que envolvam a questão de saúde e segurança do consumidor para que possam adquirir itens de qualidade”, frisou.

O consumidor que encontrar, ou suspeitar de alguma irregularidade em produtos, pode informar à Ouvidoria do Ipem, pelo e-mail ouvidor@ipem.ro.gov.br ou ainda pelo telefone 0800 647 7277.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem