PLANEJAMENTO: Reunião de Pactuação Interfederativa da Saúde discute indicadores prioritários para 2022

Foi elaborado propostas de intervenção e de melhorias para a qualidade de assistência à saúde a toda a população rondoniense

Porto Velho, RO - Técnicos das seis Regionais de Saúde se reuniram na sede da Secretaria de Estado da Saúde, entre os dias 22 e 23 de março, para discutir os indicadores prioritários estaduais da saúde, do processo de pactuação que tem por finalidade fortalecer o planejamento, avaliação e o monitoramento do Sistema Único de Saúde (SUS). As discussões aconteceram por meio de metodologias de oficinas, com avaliação dos resultados alcançados e das propostas de metas para o ano. A reunião analisou os pontos de pactuação de indicadores e metas para o ano de 2022 com apreciação do que vem sendo realizado ao longo dos anos e o que precisa ser priorizado, bem como, estratégias e ações que podem ser executadas para alcance das metas. No ano de 2021, a Secretaria de Estado da Saúde pactuou 36 indicadores prioritários estaduais da saúde.

Este ano, também foi avaliado o cenário epidemiológico do estado, verificando a morbidade e mortalidade que mais prevalecem na região. E a partir dessas avaliações, foi elaborado propostas de intervenção e de melhorias para a qualidade de assistência à saúde a toda a população rondoniense.

A coordenadora do Sistema de Apoio à Descentralização (Cosad/Sesau), Martha Duarte, destacou sobre o que foi discutido. “Podemos dizer que a etapa estadual da oficina, foi extremamente produtiva, as áreas técnicas da Sesau, Agevisa e Cerest contribuíram bastante, com abordagens esclarecedoras, discussões e avaliações de cada agravo e indicadores de saúde. Acreditamos que as Regionais de Saúde ficaram preparadas para executarem as etapas regionais com seus municípios em abril”, afirma Martha.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem