O dia 10 de julho na história de Porto Velho, Rondônia, Brasil e Mundo

O DIA NA HISTÓRIA

Lucio Albuquerque
Jlucioac@gmail.com

BOM DIA 10 DE JULHO!

HOJE É

Dia Mundial da Lei, Dia da Saúde Ocular, Dia da Pizza, Dia do Engenheiro de Minas,
Católicos lembram Santo Olavo da Noruega, Santa Rufina, Santa Segunda, Santa Vitória e Santa Anatólia, Anto Antônio Percieriskji

RONDÔNIA

1931 – Pelo decreto nº 20.200 o Governo Federal assume administrativamente a Estrada de Ferro Madeira-Mamoré e nomeia o capitão Aluísio Ferreira seu diretor, o 1º brasileiro na função. 

1972 – O último trem apita no pátio da Madeira-Mamoré em Porto Velho. Está extinta a ferrovia. 

1981 – O governador Jorge Teixeira reativa trecho de Porto Velho a Santo Antônio da ferrovia Madeira-Mamoré

BRASIL

1884 – O governador Theodoreto Souto assina lei acabando a escravidão no Amazonas, segunda província do país a acabar a escravidão. 1932 — Revolução Constitucionalista de 1932: o sul de Mato Grosso rebela-se contra o Governo Provisório e funda o Estado de Maracaju. 1979 – Decreto do presidente João Figueiredo Palácio do Planalto determina: brasileiros exilados por motivos políticos não precisariam mais depor no retorno ao país.

MUNDO

1956 - A câmara dos lordes britânica recusa a abolição da pena de morte. 

1962 — Telstar, o primeiro satélite de comunicações do mundo, é lançado em órbita pela Nasa. 

1964 - A estilista inglesa Mary Quant apresenta a minissaia. 

2018 — Resgatados vivos os 4 garotos restantes e seu treinador após 18 dias presos na caverna de Tham Luang, Tailândia.

FOTO DO DIA

4 de julho de 1960 – O presidente Juscelino Kubistchek (JK) conversa com um chefe cinta-larga em Vilhena, antes de dirigir um trator e derrubar a árvore que separava as turmas de construção da BR-029, a de Cuiabá e a de Porto Velho. Ao manobrar o trator JK quase causa um acidente, sendo socorrido pelo operador Cervo, que o assessorava (). 

“JK solicitou que os jornalistas do Alto Madeira ali presentes, que dissessem ao povo do Território que estava feliz por realizar a grande de romper a selva e ligar o Acre e Rondônia a Brasília e ao litoral” (). 

Na foto as duas mulheres são a esposa de JK, Sara Kubistchek, e uma filha do casal. (F. Anderson Leno, colorizada por Luís Claro) () Euro Tourinho diretor do Alto Madeira em entrevista a Lúcio Albuquerque. (**) Abnael Machado, em https://www.extraderondonia.com.br/2017/11/06/jk-em-vilhena-e-a-ultima-arvore-da-br-364.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem