FISCALIZAÇÃO: Ipem divulga balanço em ações fiscalizatórias de produtos em Ji-Paraná

Produtos pré-embalados são fiscalizados pelo Ipem e devem seguir as normas do Inmetro

Porto Velho, RO - O Instituto de Pesos e Medidas – Ipem Rondônia realizou no período de 14 a 25 de março, uma ação de fiscalização na cidade de Ji-Paraná. A ação foi realizada pelos fiscais do laboratório de Pré-Medidos que examinou 1646 unidades, identificando irregularidades em 77 massas desiguais, dos quais 13 produtos foram reprovados, dois erros formais de embalagem, além de ter gerado 13 autos de infração.

O trabalho teve o objetivo de verificar se o peso indicado na embalagem de itens pré-medidos condizem com o divulgado. Os que são pesados sem a presença do consumidor, de responsabilidade do próprio ponto de venda e de produtos de terceiros, também foram verificados, seguindo as normas do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia – Inmetro.

Entre os produtos com maior percentual de irregularidade estão: os derivados de carne (embutidos), cereais, pescado congelado e queijo. “O Ipem desenvolve essas ações para que o consumidor não seja prejudicado com a pesagem irregular do produto, com isso, a população deve sempre ficar atenta se o supermercado está descontando realmente o peso da embalagem (tara) de cada produto”, pontuou o metrologista do Ipem, Jean Ferreira.

Na oportunidade, também foi realizada a vistoria em botijões de Gás Liquefeito de Petróleo (P-20), sendo reprovado um dos modelos de acordo com os critérios individual e média. “São ações de fiscalização que mostram a importância do Ipem em garantir o cumprimento das normas do Inmetro junto à sociedade rondoniense. O trabalho dos fiscais tem o intuito de garantir que a população não sofra perdas na compra de produtos para sua residência, tendo segurança necessária para a aquisição dos itens”, destacou o presidente do Ipem, Theodoro Rahal.

O consumidor que encontrar divergências ou suspeitar de alguma irregularidade em produtos à venda, em estabelecimentos comerciais, pode relatar o ocorrido à Ouvidoria do Ipem, pelo e-mail: ouvidor@ipem.ro.gov.br ou pelo telefone 0800 647 7277.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem