INOVAÇÃO: Fórum de Inovação e Competitividade de Rondônia fortalece políticas de incentivo, conhecimento e desenvolvimento no Estado

O evento contou com duas palestras com os temas importantes

Porto Velho, RO - O desejo de inovar métodos e processos de desenvolvimento de políticas públicas no Estado motivou a realização da 3º Edição do Fórum de Inovação e Competitividade de Rondônia – Meetup.RO, que tem como objetivo promover políticas de incentivo, conhecimento e desenvolvimento no Estado de Rondônia. O evento realizado na quarta-feira (30) no espaço do Teatro Estadual Guaporé em Porto Velho, reuniu palestrantes para ajudar a estimular o potencial de empreendimentos em um cenário competitivo.

Além de promover políticas de incentivo, conhecimento e desenvolvimento no Estado em tecnologia e inovação, o Fórum teve como destaque a questão quanto ambientes de Inovação existentes no desenvolvimento regional, identificação de situação atual do Estado na inserção do contexto digital tecnológico e dos setores econômicos e cadeias produtivas existentes em Rondônia.

Segundo a coordenadora de Ciência, Tecnologia e Inovação, da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico de Rondônia (Sedec), Sharlene Picolotto, devido a pandemia o Fórum MEETUP.RO não pode ter continuidade nos anos de 2020 e 2021. Em 2022 o evento retornou com a primeira ação em Porto Velho e veio com uma programação contendo duas palestras, dois talk show e algumas apresentações de cases de sucesso.

“Esse é o primeiro evento de 2022. Mas nós temos mais quatro eventos em planejamento para serem realizados no interior do Estado no decorrer do ano de 2022. A princípio o evento era mais direcionado para empresários, empreendedores, gestores e pesquisadores, mas neste ano as palestras estão sendo direcionadas também aos estudantes e pesquisadores, contemplando assim o público em geral. O objetivo é fomentar a cultura de inovação e oportunizar a troca de experiência, networking,bem como contribuir para o desenvolvimento de empreendedorismo inovador, e das startups”, disse.

De acordo com a Sharlene, existe uma aceleradora de negócios no estado de Rondônia que fica localizada no primeiro piso do Porto Velho Shopping. “É uma grande oportunidade para quem quer desenvolver uma ideia, mas não sabe como. Além de ter uma equipe preparada, uma empresa para dar todo esse suporte gratuito”, disse.

Evento reuniu palestrantes para ajudar a estimular o potencial de empreendimentos

O secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico, Sérgio Gonçalves, destacou que o objetivo do evento é tornar o Estado um lugar melhor para os rondonienses viverem. “Todos temos ideias e propostas para transformar Rondônia em um lugar melhor para a gente viver. Que as empresas que já trabalham no estado que elas possam crescer cada vez mais. Que elas possam lucrar cada vez mais porque quem está trabalhando cresce junto. O MEETUP.RO é um passo importante para nós, já acompanhamos mudanças e vamos ver muito mais”, disse.

O evento contou com duas palestras com os temas importantes – “Criatividade a Base da Inovação” e “Transformação Digital e Tecnologia 5G”, que foram realizadas pelos especialistas Murilo Gun e Igor Calvet, aproximando os agentes transformadores, formando redes de conhecimento na busca por soluções na inserção tecnológica inovadora nas cadeias produtivas.

Murilo Gun, fundador da Keep Learning, falou sobre a importância da criatividade para empreender. Segundo ele um dos principais caminhos para ser criativo no serviço público é tentar inovar com situações diárias.

“A criatividade é a base da inovação, tudo começa no micro, uma pequena coisa que está no seu alcance. Ao focar no que eu consigo fazer gera um ciclo de confiança no seu pequeno espaço. Precisamos entender que quando a criatividade emite nota fiscal é inovação”, disse o palestrante.

Já o presidente da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), Igor Calvet, também participou do evento e destacou a importância do Fórum Meet para promover o desenvolvimento regional.

“O serviço público é para melhorar a vida das pessoas. Através do Fórum é possível buscar agentes transformadores e formar redes de conhecimento com objetivo de criar soluções tecnológicas para melhorar o dia a dia do servidor público e população rondoniense”, pontuou.

Os próximos Fóruns de Inovação e Tecnologia de Rondônia acontecerão nos municípios de Ariquemes, Ji-Paraná, Cacoal e Vilhena.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem