VÍTIMA: Mulher é vítima de racismo em viagem de ônibus: “volta pra senzala”



Porto Velho, RO - Metrópoles - Uma mulher afirma ter sido vítima de racismo dentro de um ônibus de viagem que fazia o trajeto de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, para Curitiba, Paraná. O caso aconteceu nessa terça-feira (1º/2). A profissional de saúde Jessica Matos, de 30 anos, registrou boletim de ocorrência na Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), na capital paranaense, poucas horas depois.

Durante a viagem, em Torres (RS), um passageiro entrou, sentou-se ao lado de Jessica e avisou que não iria usar a máscara. Quando o ônibus estava quase chegando no Paraná, alguns passageiros desceram e Jessica conseguiu trocar de poltrona. Na última parada antes da rodoviária de Curitiba, o homem se dirigiu até a poltrona que Jessica ocupava, a abordou, entregou o bilhete onde se lia “Volta pra senzala” e desceu do veículo.

Leia a íntegra no Metrópoles.

Fonte: Brasil247

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem