ECONOMIA: Corte da Internet no Cazaquistão afeta mineração de bitcoins e preços despencam


Comunicações foram limitadas como forma de conter os protestos no país da Ásia Central, um dos grandes centros globais de mineração do bitcoin

Porto Velho, RO - Além dos recentes anúncios do Federal Reserve sobre o aumento da taxa de juros, outro fator que motivou a queda global no preço das criptomoedas foi o desligamento de serviços da Internet no Cazaquistão, um dos grandes centros de mineração do ativo digital.

Comunicações foram limitadas no país da Ásia Central como forma de conter os protestos, que se tornaram violentos. Há relatos de mortes de manifestantes e policiais.

"O Cazaquistão é um player poderoso no mundo do bitcoin. No ano passado, o país se tornou o segundo maior centro mundial de mineração da criptomoeda depois dos Estados Unidos, de acordo com o Cambridge Center for Alternative Finance. A China, um importante centro, reprimiu a atividade de mineração de criptomoedas. Em agosto, o Cazaquistão hospedava 18% da mineração global de bitcoin, de acordo com a Fortune", escreve o Guardian.

O preço do bitcoin caiu abaixo dos 43,000 USD nesta quinta-feira (6).


Fonte: Brasil247/Foto: Reuters | Reprodução

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem