FISCALIZAÇÃO: Procon orienta consumidores sobre qualidade de fios elétricos comercializados em Porto Velho



Alguns incêndios residenciais são causados pela má qualidade dos fios, informa o Procon

Porto Velho, RO - O Governo de Rondônia, por meio do Programa de Orientação, Proteção e Defesa do Consumidor (Procon), realizou uma ação de fiscalização nesta terça-feira (9), em lojas de material de construção, com a proposta de verificar se os fios elétricos comercializados em Porto Velho correspondem com o que é anunciado.

O coordenador estadual do Procon, Ihgor Rego, explica que grande parte dos incêndios residenciais decorre da má qualidade dos fios. “Algumas indústrias empregam uma quantidade inferior de cobre no interior desses fios. Quanto menos cobre, maior é a resistência elétrica entre os fios. 

No mínimo, esses produtos devem possuir o selo do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), que garante a qualidade do produto. Sendo um dos papéis do Procon garantir a integridade física dos consumidores, iniciamos a fiscalização para coibir essa prática aqui no Estado”, comenta.

Ao todo, seis lojas foram fiscalizadas e nenhuma irregularidade foi encontrada.

O Procon orienta aos consumidores que ao comprarem fios elétricos, solicitem a embalagem para que seja possível identificar se o produto comercializado possui o selo do Inmetro. Caso o produto não tenha essas características, o consumidor pode fazer denúncias por meio do 151 ou pelo site https://rondonia.ro.gov.br/procon/

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem