DIA DA BANDEIRA: Solenidade alusiva ao Dia da Bandeira é marcado com exemplo de patriotismo e civismo



Militares e alunos do Colégio Tiradentes prestaram continência à Bandeira Nacional em frente ao Palácio Rio Madeira

Porto Velho, RO - Um símbolo da pátria brasileira, bandeira idolatrada, altiva e tremular, hasteada e homenageada em todos os rincões do país. Com este significado, o Governo de Rondônia realizou nesta sexta-feira (19), no Palácio Rio Madeira (PRM), em Porto Velho, a solenidade especial em alusão aos 132 anos de criação da Bandeira Nacional.


Governo realiza solenidade alusiva à Bandeira Nacional

No início da cerimônia, houve o hasteamento do pavilhão nacional, com a execução do Hino Nacional Brasileiro, com a presença do governador Marcos Rocha; o vice-governador José Jodan; e o secretário-chefe da Casa Militar, coronel Valdemir Góes.

“Recebe o afeto que se encerra em nosso peito juvenil, querido símbolo da terra, da amada terra do Brasil”. Com este trecho do Hino da Bandeira, autoridades presentes, policiais militares, alunos do Colégio Tiradentes da Polícia Militar (CTPM) e demais presentes ecoaram, celebrando o patriotismo.


Alunos do Colégio Tiradentes da Polícia Militar participaram da solenidade

O chefe do Executivo Estadual Marcos Rocha durante discurso, declarou que por meio da Proclamação da República, o país abriu as portas para a democracia e a liberdade de expressão, sendo frutos originados de conquista e trabalho feito em união.

“A Bandeira Nacional foi criada em um momento histórico e nos leva a ter orgulho de sermos um povo independente, na busca pela dignidade enquanto cidadãos. Precisamos estar sempre unidos, respeitando uns aos outros, trabalhando para o desenvolvimento, protegendo e amando nossa terra”, disse Marcos Rocha.


Marcos Rocha afirmou que a data valoriza a Bandeira Nacional, sendo preciso lembrar o que representa para todos

O governador de Rondônia ainda ressaltou que o Poder Executivo se reúne para reafirmar junto a várias instituições, as mesmas atitudes de cidadania, além de entender o lema inscrito na Bandeira Nacional, “Ordem e Progresso” e agradeceu pelas cerimônias realizadas em datas patrióticas, demonstrando satisfação em fazer parte da história.

DIA DA BANDEIRA

A data que faz homenagem à Bandeira Nacional foi criada exatamente em 19 de novembro de 1889, pelo Decreto nº 4, dias após a Proclamação da República. O objetivo principal é evocar os ideais, as aspirações e as crenças comuns, com herança duradoura, que os cidadãos brasileiros devem conservar, desenvolver, aperfeiçoar e transmitir aos brasileiros sucessores.

O Dia da Bandeira afirma a independência de um povo, ao mesmo tempo em que alimenta sonhos e vivifica esperanças, nas cores verde, amarela, azul e branca, que identifica também a riqueza, a exuberância da terra e o propósito pacífico de seus filhos brasileiros, com o lema nacional “Ordem e Progresso”.

Estiveram participando do evento, o vice-governador de Rondônia, José Jodan; o sub-chefe da Casa Militar, coronel Alexandre Gonçalves Viana; o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Alexandre de Freitas Almeida e o subcomandante-geral da Polícia Militar, Plínio Sérgio Cavalcante; o comandante-geral do Corpo de Bombeiros Militar (CBM), coronel Nivaldo Azevedo; o ajudante da Capitania dos Portos de Porto Velho, capitão de corveta Rafael de Carvalho Vaz Luz; a gestora da Secretaria de Estado da Assistência e do Desenvolvimento Social (Seas), Luana Rocha e a adjunta da Seas, Liana Silva.

Também estiveram prestigiando a solenidade, os titulares das pastas da: Secretaria de Estado de Obras e Serviços Públicos (Seosp), Erasmo Meireles; da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), Suamy Vivecananda, da adjunta da Seduc, Cristiane Lopes, da Secretaria de Estado da Agricultura (Seagri), Evandro Padovani, da Superintendência Estadual de Gestão de Pessoas (Segep), Silvio Luiz; da Superintendência de Gestão dos Gastos Públicos Administrativos (Sugesp), Carlos Lopes; do diretor-geral da Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa), Gilvander Gregório; do representante da 17ª Brigada de Infantaria de Selva, coronel Casara; da Superintendência da Zona Franca (Suframa), Moraes Nunes; representando o comandante da Base Aérea de Porto Velho (BAPV), o major aviador Luiz Fernando Costa Batista.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem